Publicidade


Notícias


Pesquise


Caso Isadora: Família da modelo morta em Imbituba responde a declarações de mãe do acusado em entrevista ao AHora Segurança

Caso Isadora: Família da modelo morta em Imbituba responde a declarações de mãe do acusado em entrevista ao AHora

por Administrador 08-11-2018 há 1 mês 5108

  • Tweet

Publicidade

A família Isadora Viana Costa, modelo encontrada morta em maio deste ano, em Imbituba, no apartamento do então namorado, o oficial de cartório Paulo Odilon Xisto Filho, 36 anos; se manifestou com um pedido de resposta às declarações da aposentada Norma Soares de Lima Xisto, mãe do réu, publicadas em uma entrevista ao portal AHora, na última segunda-feira (05).

Por meio da advogada da família, a Dr. Daniela Félix, o pai de Isadora, Rogério Costa, que inclusive já foi entrevistado, junto à advogada, pelo Portal AHora, solicitou o direito de resposta, no qual refuta algumas afirmações da mãe do acusado.

Confira, na íntegra, a resposta da família de Isadora:

"Em atenção à entrevista publicada, vimos esclarecer pontos importantes da fala da Sra. Norma Xisto, Mãe do Réu Paulo Odilon Xisto Filho, com todo o respeito a dor dessa mãe que vê um filho encarcerado, mesmo que ainda provisoriamente, uma vez que traz elementos constantes no processo totalmente fora do contexto e sem qualquer procedência auferida pelo Poder Judiciário.
Como dito, na semana passada, em 31.10, fora realizado o Interrogatório do Réu, o que encerra a instrução desta primeira fase do procedimento do júri, que poderá pronunciá-lo pelo crime de feminicídio, levando à júri popular, se entender o Magistrado presentes os elementos da materialidade e autoria do crime. As outras possibilidades são a impronúncia, absolvição sumária e desclassificação, que também não podem ser descartadas.
Neste momento, o que se tem no processo, sem qualquer sentença, são os argumentos e provas produzidas das teses de acusação e defesa. Nada mais.
O que essa Senhora faz crer em sua entrevista, expondo com detalhes a tese defensiva, maculando e atacando a honra da vítima, Isadora Viana da Costa, e, ainda, de forma equivocada, é que já se decidiu pela inocência do Réu, o que não é verdade. 
O testemunho do Réu, que revelou inclusive detalhes da sua vida pregressa e personalidade, ainda será objeto de análise pelo magistrado juntamente com outras provas trazidas aos autos (tanto pelo Inquérito, Laudos Oficiais, Acusação e Defesa), com suas devidas valorações, que podem ser contestadas em fase processual adequada.
Cabe ressaltar que a inocência do Réu não está em hipótese alguma decidida por sentença, motivo pelo qual o seu apelo desesperado não tem qualquer fundamento.
Quanto aos ataques à honra de Isadora, da mesma forma como toda sua fala, não merece qualquer credibilidade, pois se há constatação de consumo de drogas ela pouco interferiu na sua causa morte, cf. os laudos pericias oficiais. 
Nunca coube e não cabe à Família de Isadora fazer qualquer juízo de valor da conduta do Réu em caráter público, expondo de forma agressiva tudo que se tem conhecimento dele, pois mesmo com todo o sofrimento e luto, depositou desde o primeiro momento a total confiança no Sistema de Justiça e no Poder Judiciário, bem como no respeito ao processo penal justo, com todos os direitos e garantias ao Réu estabelecidas em lei.
Revelações de minúcias totalmente improcedentes e fora de contexto, inclusive processual, é pelo visto a forma encontrada de apelo à opinião pública que acompanha o caso, ante a sua grande repercussão, e repudia veementemente o feminicídio.
Confia-se à JUSTIÇA a sentença da culpa e a devida responsabilização pelo crime cometido, se assim o for. 
Por fim, esclarece-se que as agressões à honra de Isadora e consequentemente à sua Família que estão sendo veiculadas pela mídia e nas redes sociais, serão apuradas e respondidas nas instâncias competentes, como bem se faz aqui diante deste direito de resposta." 
Gaúcha de Santa Maria, Isadora era modelo e tinha apenas 21 anos
    Palavras-chave
  • Imbituba
  • Isadora
  • feminicídio
  • direito
  • resposta
  • pais
  • Norma
  • mãe
  • acusado
  • Paulo
  • Paulinho
  • Xisto
  • Costa
  • Odilon
  • cartório
  • oficial
  • homicídio
  • overdose
  • julgamento
  • justiça
  • Tweet

Últimas Notícias


As melhores publicações e novidades no seu e-mail.

logo

Informações, negócios e cultura local atualizados diariamente.

Fale Conosco

48 99115.3012
48 99998.8885
Inbox no Facebook

contato@portalahora.com.br

Localização

Imbituba - SC Brasil