Publicidade


Notícias


Pesquise


Segundo caso em 24h: casal é detido com 1,5 tonelada de camarão, armazenados em condições impróprias, que seria vendido na região Meio Ambiente

Segundo caso em 24h: casal é detido com 1,5 tonelada de camarão, armazenados em condições impróprias, que seria vendido na região

por Redação 04-02-2021 há 8 mêses 1055

  • Tweet

Publicidade

Um casal de Laguna foi detido com mais de uma tonelada e meia de camarão. O pescado estava sendo transportado de maneira irregular em uma Fiat Ducato, com placas da Cidade Juliana. A abordagem ao veículo aconteceu na BR-116, em Guaíba (RS), na manhã dessa quarta (03).

O condutor de 38 anos e a passageira, de 33 anos, relataram aos policiais que transportavam a carga de São José do Norte (RS) para Laguna, onde o camarão seria comercializado.

Segundo a PRF, o pescado estava acondicionado sem a refrigeração adequada e o casal apresentou uma nota fiscal adulterada.

O pescado foi apreendido e encaminhado ao Ibama e os envolvidos encaminhados para a delegacia da cidade gaúcha.

OUTRA CARGA QUE TINHA COMO DESTINO "SC" FOI APREENDIDA MEIA HORA DEPOIS

Ainda pela manhã, cerca de 30 minutos depois, outra Fiat Ducato foi abordada pelos agentes. A van, emplacada em Navegantes, estava carregada com mais 560 quilos de camarão e, igualmente, não estavam armazenados com refrigeração adequada e não tinham a nota fiscal. Os ocupantes disseram que pescaram a iguaria em São Lourenço do Sul (RS) e que venderiam em Santa Catarina. O camarão foi levado para o Ibama e o condutor responderá a um termo circunstanciado de ocorrência.

 

SEGUNDO CASO EM DOIS DIAS

 Na noite de terça-feira (02), um lagunense de 58 anos já tinha sido detido no Rio Grande do Sul fazendo o transporte de camarão de forma ilegal. No carro dele, foram encontrados 400 quilos de camarão armazenados em sacos plásticos, sem a devida refrigeração. Ainda segundo a PRF, ele não possuía a documentação fiscal do crustáceo.

 A carga foi apreendida por policiais rodoviários federais na BR-290, em Eldorado do Sul (RS), distante cerca de 40 quilômetros da capital gaúcha Porto Alegre. A iguaria estava em uma caminhonete de Laguna.O camarão não tinha procedência e seria transportado por mais 500 quilômetros até Criciúma, já em Santa Catarina, onde seria vendido.

 

Fonte: Portal Agora Laguna / Portal Sul Agora / Foto: PRF / Vídeos: Portal Agora Laguna

    Palavras-chave
  • Laguna. camarão
  • condições
  • impróprias
  • PRF
  • Guaíba
  • RS
  • apreensão
  • crustáceo
  • casal
  • Santa
  • Catarina
  • Tweet

As melhores publicações e novidades no seu e-mail.

logo

Informações, negócios e cultura local atualizados diariamente.

Fale Conosco

48 9 9115.3099
Inbox no Facebook

portalahora@gmail.com

Localização

Imbituba - SC Brasil